• Inglês
  • Espanhol
celular corporativo o que é

Celular corporativo: o que é e porque usar

Com o avanço da tecnologia, diversos dispositivos e ferramentas estão constantemente se integrando ao mundo profissional para ajudar as empresas. Mas nem todas as novidades são realmente inovações. O celular, por exemplo, que por muito tempo foi visto como algo apenas pessoal e voltado para lazer e comunicação, hoje pode ser o diferencial de sucesso de uma corporação. Saiba mais sobre o celular corporativo: o que é, principais modelos e também porque a sua empresa deve pensar em usar esse aparelho.

O que é celular corporativo

De forma geral, um smartphone, tablet ou celular corporativo é muito parecido com modelos “normais”. Até recentemente o mercado contava com dispositivos e até mesmo fabricantes focados em aparelhos comerciais – por exemplo, a Blackberry -, mas hoje os aparelhos podem ter a mesma configuração de hardware do que modelos comerciais pensados para o público geral.

A realidade mudou bastante e modelos considerados normais (e, muitas vezes, mais baratos) podem ser utilizados para atividades corporativas sem grandes alterações. O mérito desse fenômeno pode ser dado ao avanço da tecnologia e, além disso, à popularização da mobilidade – em 2018, o Brasil alcançou a marca de 230 milhões de celulares ativos.

Portanto, a definição de celular corporativo, o que é esse modelo, pode ser: qualquer telefone móvel, seja comum ou smartphone, usado para executar tarefas dentro de uma empresa. Essa diversidade é um dos aspectos que motiva empresas a usarem a mobilidade corporativa. Porém, dentro dessa categoria há variações e modelos que podem ser classificados por hardware, software ou mesmo por intenção de uso.

Tipos de celular corporativo

Como já falamos, tecnicamente qualquer dispositivo móvel (seja um celular mais básico, um smartphone ou mesmo um tablet) pode ser utilizado por uma empresa com propósito corporativo. No entanto, o mercado tem apresentado padrões e estilos de uso para alguns aparelhos que vêm se mostrando mais eficientes – em todos os casos, o objetivo é ganhar produtividade com dispositivos móveis. Veja alguns exemplos de perfis de uso abaixo.

Modelos mais simples

São os dispositivos corporativos mais “comuns”, com recursos simples e geralmente utilizados para tarefas mais gerais. Podem contar com aplicativos que automatizam tarefas, controle de inventário, rotas e navegação, apps de específicos para comunicação (ligações e email), entre outros.

Em termos de hardware, também costumam ser mais básicos, pois as atividades realizadas com eles, via de regra, não exigem performance acima da média dos dispositivos. Além disso, na maioria dos casos possuem um valor mais acessível para as empresas.

Aparelhos voltados para comunicação e gestão de negócio

São modelos geralmente utilizados por colaboradores com perfil executivo. Esse tipo de celular corporativo frequentemente é um smartphone. Isso se deve ao fato de que smartphones possuem recursos mais avançados, hardware que comporta um volume maior de apps e arquivos e, além disso, têm recursos como e-mail corporativo, aplicativos para gestão de projetos e maior proteção das informações sigilosas da companhia.

Os smartphones corporativos com esse perfil de uso costumam ter configurações mais modernas e sistemas mais avançados, com versões recentes tanto de Android quanto de iOS. Além disso, em muitos casos são usados fora da empresa (o que acarreta em um cuidado com o uso de celular corporativo fora do expediente) e podem integrar o papel de dispositivo corporativo e pessoal em um mesmo aparelho, dependendo da política da empresa.

Modelos “mid-range”

Mas e nos casos em que é necessário contar com um smartphone com alguns recursos mais avançados, porém, ao mesmo tempo não há a demanda por sistemas operacionais de última geração ou hardware poderoso? Nesse tipo de situação, as empresas apostam no celular corporativo chamado de “mid-range” – ou o intermediário.

Esses aparelhos geralmente são utilizados para funções gerais dentro de uma empresa, sem tantas responsabilidades de gestão, mas que ainda assim demandam alguns aplicativos e funcionalidades um pouco mais modernas. Mesmo assim, geralmente contam com um custo mais baixo do que modelos utilizados por gestores e executivos.

Modelos com configurações específicas

Além desses casos frequentes, há também outros mais específicos e que, por isso, necessitam de celulares, tablets e smartphones com especificações relacionadas ao tipo de atividade que executarão.

Aqui entram tanto aqueles aparelhos que demandam sistema operacional e aplicativos específicos (por exemplo, um smartphone com leitor de digitais), quanto aqueles carentes por funcionalidades de hardware (como alta resistência a quedas, maior capacidade da bateria, entre outros).

Vantagens de usar um celular corporativo

Mas, afinal, por que uma empresa deveria contar com dispositivos móveis? Qual a vantagem em usar um celular corporativo? A principal é evitar o uso indevido desses aparelhos; a segunda é, juntamente a isso, proporcionar mais produtividade, eficiência e economia nos processos internos de uma corporação.

Veja seis dicas de aplicativos de vendas

No entanto, para alcançar esses resultados é necessário usar um gerenciador de dispositivos móveis. Assim, uma empresa tem controle mais efetivo e confiável de quantos aparelhos possui, quais são e quem está usando os celulares/tablets, tudo através de um inventário online e seguro. Além disso, é possível restringir apps, instalar e atualizar aplicativos de forma automatizada e remota e até mesmo rastrear e localizar um celular corporativo.

Com essa organização via um software de gerenciamento de aparelhos corporativos, colaboradores realizam suas atividades de forma mais eficaz, evitam distrações com os celulares e a empresa otimiza o consumo de plano de dados e, portanto, economiza.

Para saber mais sobre como a sua empresa pode incorporar todas as vantagens do uso de celulares e tablets da forma mais eficiente e organizada, clique aqui e baixe gratuitamente o nosso guia para o gerenciamento de dispositivos móveis!